As 50 Pinturas mais Famosas do Mundo

Categoria Arte

Neste artigo listamos as 50 pinturas mais famosas do mundo, baseadas em nossa pesquisa.
São obras de arte expostas em museus de todo o mundo, criadas por artistas renomados e famosos, como por exemplo: Leonardo da Vinci, Vicent Van Gogh, Salvador Dalí e outros.

Pinturas famosas

Inclua o GIF em seu site/blog copiando e colando o código:

Confira este artigo em versão de vídeo, ou apenas dê Play e curta a música enquanto aprecia as obras:

Pinturas famosas e onde encontrá-las

Inclua o infográfico em seu site/blog copiando e colando o código:

Mona Lisa

Autor: Leonardo da Vinci

Data: 1503 – 1506

Mona Lisa, A Gioconda ou Mona Lisa del Giocondo éa obra mais famosa do mundo, de autoria do ilustre Leonardo da Vinci, cujo início da pintura se deu em 1503. O corpo, os traços e as roupas da Mona Lisa são uma representação do padrão de beleza daquela época, no Alto Renascimento. A pintura é considerada o retrato mais famoso e valioso do mundo. Especula-se que a modelo representada na obra de arte foi a esposa de Francesco del Giocondo, um comerciante e político de Florença, na Itália.

 

Woman III

Autor: Willem de Kooning

Data: 1953

Woman III, ou Mulher III, é obra abstrata-expressionista. Na realidade, esta pintura faz parte de uma série de 6 obras feitas por Kooning entre os anos de 1951 e 1953, cujo tema, como denuncia o nome, é uma mulher. Em novembro de 2006 ela foi vendida por $ 137.500.000 para um bilionário chamado Steven A. Cohen, tornando-se assim a quarta pintura artística mais cara já vendida na história do mundo da arte.

 

Retrato do Artista Sem Barba

Autor: Vicent Van Gogh

Data: 1889

Van Gogh costumava pintar autorretratos, como Retrato do Artista Sem Barba, uma das obras mais importantes e conhecidas do artista. Van Gogh olhava-se no espelho para pintar retratos de si mesmo, revelando parte de sua personalidade e das técnicas utilizadas em suas obras. Conta-se que esta obra foi feita logo após o autor tirar sua barba no final de setembro de 1889 – mesmo ano em que Van Gogh suicidou-se devido à depressão que sofreu ao longo da vida.

 

A Batalha de Alexandre em Isso

Autor: Albrecht Altdorfer

Data: 1529

A pintura a óleo sobre painel do artista Albrecht Altdorfer retrata a Batalha de Isso, ocorrida no ano 333 A.C., onde Alexandre, o Grande, conseguiu obter uma vitória contra Dario III. Essa obra é considerada uma das pinturas de paisagem mais famosas do mundo. Os detalhes da pintura são impressionantes.

 

A Arte da Pintura

 

Autor: Johannes Vermeer

Data: 1666

A Arte da Pintura, também conhecida como A Alegoria da Pintura, ou O Pintor no seu Estúdio é considera por muitos historiadores da arte uma alegoria, cuja representação visual é realista. Os elementos da pintura, utilizados por Vermeer, como a luz que flui através da janela, são um exemplo da realidade expressada na obra. O mapa representado na tela é da Holanda. A mulher representada seria Clio, a musa da História; a águia de duas cabeças, no lustre central dourado, é o símbolo representativo da dinastia dos Habsburgos, da Áustria, podendo também ser a representação da fé católica.
Na época, a Holanda possuía um povo predominantemente Protestante, enquanto Vermeer era Católico. A obra foi de muita importância para o autor – tanto que ele não quis vendê-la nem mesmo quando estava com dívidas.

 

A Persistência da Memória

A Persistência da Memória

Autor: Salvador Dalí

Data: 1931

Referência na cultura popular e mundialmente famosa, A Persistência da Memória é uma das obras mais enigmáticas do Salvador Dalí. O artista utilizou elementos surreais – como os relógios derretidos – misturados às imagens comuns a todos nós, como o penhasco e o mar ao fundo, passando a impressão de que esta seja uma cena possivelmente real. Em cima do relógio à esquerda encontram-se formigas, e sabe-se que Salvador Dalí não gostava delas, pois, para ele, elas simbolizam putrefação.

 

A Primavera

Autor: Sandro Botticelli

Data: 1482

A Primavera, também conhecida como Alegoria da Primavera, é uma obra renascentista e uma das pinturas mais famosas e controversas da história da arte. As deidades retratadas no cenário – um bosque – são figuras mitológicas que representas aspectos da natureza, como a estação da primavera, a abundância dos frutos e flores desta época, o vento e a própria vida.

 

As Meninas

Autor: Diego Velázquez

Data: 1656

Difícil de definir o que é realidade e o que é ilusão, esta obra do artista espanhol é uma das mais analisadas no mundo. Representando um dos aposentos do Real Alcázar de Madrid, as figuras presentes neste fazem parte da corte espanhola da época, posando para o pintor como se fosse uma fotografia. A menina loira no centro da tela é a infanta Margarida Teresa de Habsburgo, acompanhada de suas damas de companhia, duas anãs, um cachorro, um guarda-costa e o próprio Velázquez – ao lado esquerdo, de bigode. O artista se representou pintando uma tela. Ao fundo há um espelho que reflete o que Diego Velázquez pinta: o casal real, rei Filipe e a rainha Maria Ana. As Meninas é, com toda certeza, uma obra de arte bastante emblemática.

 

  A Última Ceia

A última ceia

Autor: Leonardo da Vinci

Data: 1495 – 1497

A representação da última ceia de Jesus com os apóstolos, antes de sua crucificação, é outra obra mundialmente famosa de autoria de Leonardo da Vinci. A versão de Leonardo não é a primeira, tendo havido outras anteriores à esta obra na mesma época. Contudo, a versão de da Vinci é a mais famosa

O Baile no Moulin de la Galette

Autor: Pierre-Auguste Renoir

Data: 1876

 A obra é um marco do estilo impressionista, pintada em Paris, que retrata o bairro de  Montmartre. O cotidiano da burguesia – como a vida boêmia, o hábito de se frequentar bares e restaurantes e as danças de salão – era um tema recorrente do Impressionismo. A cena retratada nesta pintura era comum na Belle Époque parisiense.

Beethoven Frieze

Autor: Gustav Klimt

Data: 1901

Klimt pintou a obra Beethoven Frieze para a 14ª Secessão de Viena em comemoração ao compositor Beethoven, ocorrida no ano de 1901. A pintura retrata o sentimento humano da felicidade em um mundo de sofrimento, onde a humanidade precisa lidar não só com o mal externo, como também com as fraquezas internas.

Belshazzars Feast

Autor: Rembrandt

Data: 1635

Belshazzar Feast, ou A Festa de Belsazar, mostra parte história do último rei da Babilônia, segundo o Antigo Testamento. Conta-se que o pai de Belsazar, Nabucodonosor, saqueou o Templo de Jerusalém e roubou artefatos sagrados, como copos de ouro. Durante uma grande festa, Belsazar fez uso dos copos de ouro, quando a mão de Deus escreveu uma inscrição na parede profetizando a queda do reino da Babilônia, evento retratado na obra.

Dora Maar au Chat

Autor: Pablo Picasso

Data: 1941

A tela, cujo nome traduzido é Dora Maar com Gato, é um exemplo de obra-de-arte do movimento Cubista e retrata Dora Maar, amante e musa inspiradora de Picasso, com um gato – possivelmente de estimação.

El Aquelarre

Autor: Francisco de Goya

Data: 1798

A pintura El Aquelarre, ou Bruxas Sabá, faz parte de uma pequena coleção de quadros pintados por Francisco de Goya entre os anos de 1797 e 1798 feita para decorar o palácio recreativo dos Duques de Osuna, na região de Madrid.
A cena da tela descreve um ritual de aquelarre, onde o bode no centro é a representação do demônio. As figuras femininas são bruxas novas e anciãs que alimentam o Grande Bode com crianças. Os tons escuros da obra, assim como a ambientação e a paisagem noturna, visavam causar ao espectador a impressão de pesadelo. Outras cinco pinturas similares fazem parte da coleção.

Eu e a Aldeia

Autor: Marc Chagall

Data: 1911

Essa obra surrealista é considerada a mais famosa do autor e uma das pinturas mais famosas da história da arte e do mundo. Em 1911 o Surrealismo ainda não existia oficialmente, podendo-se afirmar que esta pintura a óleo de composição alegre e harmoniosa foi vanguardista para a sua época. A cena retratada consiste em um animal de frente à uma face humana verde. No rosto do animal é possível observar uma pessoa ordenhando uma vaca ou cabra. Há, ao fundo, algumas casas e uma igreja. Também é possível observar mais ao fundo um camponês caminhando com uma enxada e, logo à sua frente, no chão, algo que parece ser uma pessoa deitada. A obra retrata as memórias do lugar onde o artista nasceu e viveu parte de sua vida.

 

The Fall of the Damned

Autor: Peter Paul Rubens

Data: 1620

A obra, de cunho religioso, retrata a expulsão dos anjos caídos do Paraíso pelo Arcanjo Miguel. Um detalhe curioso é que em 1959 a tela sofreu um vandalismo com ácido. Felizmente o acontecimento não prejudicou diretamente a pintura.

 

Rapaz com Cachimbo

Rapaz com Cachimbo

Autor: Pablo Picasso

Data: 1905

Este óleo sobre tela é a 9ª pintura mais cara do mundo, e foi pintada por Picasso quando este tinha a idade de 24 anos, durante a sua fase que ficou conhecida como Período Rosa. A figura do jovem francês segurando um cachimbo e usando uma coroa de rosas em cima da cabeça é uma das telas mais famosas do artista e do mundo. Já foi leiloada pelo valor de 104,2 milhões de dólares.

 

Guernica

Autor: Pablo Picasso

Data: 1937

Outra obra-de-arte do grandioso Pablo Picasso, Guernica retrata o bombardeio que a cidade que dá nome à tela sofreu da Alemanha no mesmo ano de sua criação – 1937. Picasso a pintou para a Exposição Internacional de Paris. Apesar da história triste por trás da obra- o artista utilizou apenas as cores branco e preto como forma de repúdio ao horrível ato – a beleza desta pintura cubista é incontestável.

 

Judit I

Autor: Gustav Klimt

Data: 1901

Gustav Klimt retratou a personagem bíblica Judite – responsável pela decapitação do general assírio Holofernes – de forma sensual.  Adele Bloch-Bauer, a única modelo que Klimt utilizou em suas obras, também se disponibilizou para que Gustav Klimt pintasse esta tela.

Landscape with the Fall of Icarus

 

Autor: Pieter Bruegel (?)

Data: Década de 1560 (?)

Landscape with the Fall of Icarus – Paisagem com a Queda de Ícaro, traduzido em Português – é uma obra que, por muito tempo, acreditou-se ter sido feita pelo artista Pieter Bruegel, dos Países Baixos. Entretanto, no ano de 1996, após algumas análises, o verdadeiro autor da pintura virou um mistério. Foi levantada a hipótese desta tela na verdade ser uma cópia de uma outra tela de Bruegel, feita por um artista desconhecido. Como o nome da pintura denuncia, a cena retrata parte da mitologia grega da Ícaro, que caiu no mar após voar muito próximo ao sol e as asas derreterem, morrendo em seguida. É possível observar Ícaro no canto inferior direito da tela, se afogando.

 

 

Las Hilanderas

Autor: Diego Velázquez

Data: 1657 (?)

Por muito tempo a cena retratada em Las Hilanderas foi tida como mulheres fiando em uma oficina. Entretanto, no ano de 1948, o historiador de arte Diego Angula sugeriu que a cena, na realidade, retrata a lenda grega de Arachne, que desafiou Atena para um concurso de tecelagem. Por ter ganhado a competição, Atena, enciumada, transformou Arachne em uma aranha.
No plano principal a deusa Atena apresenta-se em forma de velha, à esquerda. Arachne é a mulher à direita, de costas para o espectador, usando roupa branca, e conta com a ajuda de outras costureiras.

 

A Lição de Anatomia do Dr. Tulp

A Lição de Anatomia do Dr. Tulp

Autor: Rembrandt

Data: 1632

Uma das obras mais famosas do artista. A tela representa a primeira aula de anatomia de Nicolaes Tulp – um importante médico e político, e também o primeiro a descrever a doença Beribéri – ocorrida no dia 31 de janeiro de 1632, mesmo ano em que a pintura foi feita por Rembrandt.

Luncheon of the Boating Party

Autor: Pierre-Auguste Renoir

Data: 1880 – 1881

Exposta na Sétima Exposição Impressionista, ocorrida na França em 1882, esta obra-de-arte foi considerada como a melhor pintura do evento por três críticos. As pessoas da tela eram amigas de Renoir, e estão retratadas em um almoço flutuante em um barco, num passeio ao longo do Rio Sena. Essa obra é mundialmente famosa, e a sua beleza é indiscutível.

 

 

The Marriage of the Virgin

Autor: Raphael

Data: 1504

Pintada a óleo por Raphael durante o Alto Renascimento, a paisagem retrata o casamento entre os personagens bíblicos Maria e José.

 

Metamorfose de Narciso

Autor: Salvador Dalí

Data: 1937

O mito grego de Narciso é representado de forma ambígua nesta obra de Dalí. Ao lado esquerdo, Narciso possui uma aparência que lembra rochas empilhadas. Ao lado direito, uma mão segura um ovo, e formigas sobem pela base dela

 

O Nascimento de Vênus

O Nascimento de Vênus

Autor: Sandro Botticelli

Data: 1483

A deusa Vênus, da mitologia romana, emerge de uma concha no mar. Zéfiro, representação do vento do oeste, assopra Vênus para a margem. A deusa Hora se prepara para cobrir Vênus com uma manta florida.

 

No. 5, 1948

Autor: Jackson Pollock

Data: 1948

A obra expressionista-abstrata No. 5, 1948 foi feita em cartão de fibra, com tintas líquidas (resina sintética), as mesmas que dão brilho aos esmaltes.

 

 

A Noite Estrelada

 

Autor: Vincent Van Gogh

Data: 1889

Essa pintura misteriosa é uma das mais conhecidas de Van Gogh, se não for a mais. Aos 37 anos o artista, que sofreu de depressão por muitos anos – até comer suicídio – ficou em um asilo na região francesa de Saint-Rémy-de-Provence. Tendo memorizado a vista que possuía da janela de seu quarto durante a estadia no asilo, Van Gogh pintou a tela fazendo uso apenas de sua memória. A aldeia de Saint-Remy é representada em uma noite cujo céu possui estrelas e nuvens em formas enroladas. Ao lado esquerdo da tela, o artista adicionou um pinheiro.

 

Nude Sitting on a Divan

Autor: Amedeo Modigliani

Data: 1917

Modigliani fez uma série de figuras nuas entre 1916 e 1919. O artista fez uma referência à sensualidade do Renascimento italiano, apresentando figuras nuas  com traços delicados.

 

O Beijo

Autor: Gustav Klimt

Data: 1907 – 1908

O casal representado na obra possui alguns simbolismos, como os traços retangulares do homem e arredondados da mulher; a auréola que cobre o casal, cujo formado é das costas do homem; a mulher ajoelhada em submissão à figura masculina.

O Grito

Autor: Edvard Munch

Data: 1893

A pintura de 1893 faz parte de uma coletânea de 4 obras intitulada com o mesmo nome do quadro. A angústia e o desespero da figura fantasmagórica é uma alusão à infância do próprio Munch, cujo pai rígido e controlador e a morte da mãe e de uma irmã foram eventos muito marcantes. Durante um passeio com dois amigos na doca de Oslofjord, Munch sofreu um ataque de ansiedade. Era fim de tarde e o céu estava avermelhado. O artista representou toda a sua angústia e desespero na pintura.

 

 

Canto do Jardim de Montgeron

Autor: Claude Monet

Data: 1877

Artista do Impressionismo Clássico, Monet retratou muitas paisagens naturais, como o jardim de um parque de Montgeron. As cores e a luminosidade da obra passam uma sensação de tranquilidade, não?

 

Olympia

Autor: Édouard Manet

Data: 1863

Considerada imoral e vulgar por conservadores durante a sua exposição em Salon de Paris, Olympia foi inspirada por outra pintura chamada Vênus de Urbinodo Ticiano, de 1538. Relatos da época feito pelo jornalista Antonin Proust afirmam que a obra só não foi destruída graças à intervenção dos curadores durante o evento. O escritor Émile Zola, contemporâneo de Manet, entretanto considerou a pintura uma obra-prima. Hoje ela faz parte das pinturas mais conhecidas mundialmente.

Os Comedores de Batata

Autor: Vincent van Gogh

Data: 1885

Pertencente à primeira fase artística de Van Gogh, Os Comedores de Batata a miséria e a falta de esperança dos camponeses pobres da região dos Países Baixos. Nesta época o artista fez mais de 250 pinturas e desenhos que retratavam as cenas dos campos e aldeias daquela região.

 

 

Os Embaixadores

Autor: Hans Holbein, o Jovem

Data: 1533

No ano de 1533 Henrique VIII, o Rei da Inglaterra, casou-se sem a permissão do papa da época, Clemente VII. Os homens retratados nesta obra são um embaixador e um bispo da Igreja Católica franceses. A Europa aguardava um posicionamento papel, e o rei da França enviou estes dois homens à Inglaterra para que contassem o que acontecia. A aparência culta das figuras está vinculada ao fato do Renascimento da época. O livro entre os dois homens é um manual de aritmética, e ele está aberto justamente na página de divisão. Com isso, fez alusão à divisão que aconteceria na Europa pouco tempo depois, com o Rei da Inglaterra sendo excomungado pelo Papa Clemente VII. A mancha na parte de baixo da obra, quando olhada através do lado direito do quadro, revela-se um crânio humano. Após muitos questionamentos a respeito de sua simbologia, alguns estudiosos concluíram que trata-se da assinatura do artista, cujo nome Holbein, em Alemão, significa “osso vazio”.

 

 

Rapaz Mordido por um Lagarto

Autor: Caravaggio

Data: 1594 – 1596

Caravaggio pintou duas versões desta obra, ambas feitas no mesmo período. Alguns acreditam que o rapaz retratado seja Mario Minniti, um companheiro que serviu de modelo para o artista em outras obras. Outros acreditam que o rapaz seja o próprio Caravaggio em autorretrato, disfarçado.

 

 

Retrato de Adele Bloch Bauer I

Autor: Gustav Klimt

Data: 1903 – 1907

Segunda pintura com mais valor no mundo – tendo sido vendida em 2006 por 135 milhões de dólares – Klimt levou 3 anos para fazer o retrato a óleo e ouro. Apesar de só ter sido exposta ao público em 1907, seu início se deu em 1903 e seu término no ano de 1905. Adele Block Bauer era esposa de Ferdinand Bloch-Bauer, e este pediu a Gustav Klimt para que pintasse um retrato de sua esposa. Há rumores não confirmados sobre um possível relacionamento amoroso entre Klimt e Adele Bauer.
Adele, em seu testamento, pediu que suas obras pintadas Gustav Klimt fossem doadas à Galeria do Estado da Áustria, e faleceu no ano de 1925 de miningite, em Viena. Quando os nazistas ocuparam a Áustria, país de origem de Klimt, confiscaram suas propriedades, incluindo a coleção de obras de Gustav Klimt.Ferdinand Bloch-Bauer fugiu para a Suíça. No ano de 1945, colocou em seu testamento que as pinturas de Klimt iriam para seus sobrinhos e sobrinhas. Maria Altmann, uma das sobrinhas, ficou com 5 obras, incluindo esta, levando-as para os Estados Unidos. Ronald Lauder, o comprador do quadro por 135 milhões de dólares, foi embaixador dos EUA na Áustria – motivo pelo qual lutou pela compra da obra-de-arte.

 

 

Retrato de Adele Bloch Bauer II

Autor: Gustav Klimt

Data: 1912

Segunda obra de Klim cujo modelo foi Adele Bloch-Bauer. Em novembro de 2006 o quadro foi leiloado pelo valor de 88 milhões de dólares – a quarta obra-de-arte mais cara vendida naquela época.

Soft Construction with Boiled Beans

Autor: Salvador Dalí

Data: 1936

Pintura surrealista do famoso artista Salvador Dalí, Soft Construction with Boiled Beans – Construção Mole com Feijões Cozidos, em Português – o artista expressou o golpe de estado que a Espanha, liderada pelo general Francisco Franco. Salvador Dalí previu uma guerra civil, aqui retratada com um corpo em decomposição.

 

Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte

Autor: Georges-Pierre Seurat

Data: 1884 – 1886

Feita com a técnica do pontilhismo, a obra retrata uma tarde ensolarada de domingo daquela época na Ilha de Grande Jatte, do Rio Sena.

 

 

The Astronomer

Autor: Johannes Vermeer

Data: 1668

O óleo sobre tela atualmente está exposto no Louvre, em Paris. O pintor Johannes Vermeer era holandês, e na sua época a Holanda costumava retratar bastante cientistas, como os astrônomos e geólogos.

 

 

The Sleeping Gypsy

Autor: Henri Rousseau

Data: 1897

Uma mulher dorme ao lado de um bandolim, em uma noite de lua cheia, enquanto é observada por um leão, animal geralmente feroz, que demonstra hesitação em atacar. A obra fez parte da coleção particular de um comerciante de Paris e só foi descoberta no ano de 1924 por Louis Vauxcelles, um crítico de arte. Este mesmo crítico a comprou naquele ano e, anos depois, foi adquiria por um historiador de arte chamado Alfred H. Barr Jr., fazendo parte da coleção do Museu de Arte Moderna de New York. A obra foi fonte de inspiração de diversas músicas e poesias.

 

 

Transfiguração

Transfiguração de Rafael

Autor: Rafael

Data: 1517 – 1520

Mundialmente famosa e considerada uma das mais importantes de Rafael, e também uma das últimas do artista, Transfiguração descreve a cena bíblica de um dos milagres de Jesus, quando este se transfigura no alto de uma montanha. A pintura foi encomendada pelo  Cardeal Giulio de Medici – futuramente Papa Clemente VII – no ano de 1517.

 

 

Três Estudos de Lucian Freud

Três Estudos de Lucian Freud

Autor: Francis Bacon

Data: 1969

Arrebatada na sociedade de leilão Christie’s, em New York, por 142 milhões de dólares em 2013, o tríptico – cuja figura é o retrato do pintor Lucian Freud – é a obra de arte que atingiu o maior valor no mundo.

 

 

The Triumph of Death

Autor: Pieter Bruegel, o Velho

Data: 1562

Parte do acervo do Museo del Prado, em Madrid, a obra mostra uma cena apocalíptica, com um exército de esqueletos, incêndios, embarcações naufragando, pessoas mortas e destruição por todos os lados. A morte vitimiza a todos, desde os pobres aos nobres.

 

 

O Desespero

Autor: Gustave Courbet

Data: 1843 – 1845

 Autorretrato do artista, a obra do Período Romântico apresenta traços bastante realistas e formas perfeitas, características dessa escola literária. Courbet criou seu próprio estilo, tendo feito outros autorretratos na mesma época, divulgando o seu nome e os seus trabalhos. Suas obras são mundialmente famosas.

Mulher com Sombrinha

Autor: Claude Monet

Data: 1875

Mulher com Sombrinha, chamada também de Madame Monet e o filho, é uma das obras impressionistas mais conhecidas. A leveza e a luminosidade da tela são características que agradam aos olhos de qualquer espectador.

When Will You Marry

Autor: Paul Gauguin

Data: 1892

O pintor pós-impressionista Paul Gauguin viajou ao Tahiti, procurando inspiração em um paraíso de belezas naturais para criar suas obras. Dentre estas, destaca-se When Will You Marry – Quando Você se Casará, traduzido em Português- vendida em fevereiro de 2015 por um valor aproximado de US $ 300 milhões, tornando-se a obra de arte com maior valor já pago em toda a história mundial. Uma triste curiosidade é que, ao chegar no Tahiti, Gauguin pode constatar que a realidade do país não era como ele imaginara: A cultura primitiva foi dizimada pelos colonizadores europeus, e dois terços do povo nativo morreu em decorrência da exploração e das doenças vindas da Europa. As duas figuras femininas retratadas na tela são nativas da ilha.

 

 

Rapariga com Brinco de Pérola

rapariga-brinco

Autor: Johaness Vermeer

Data: 1665

Também chamada por alguns de Mona Lisa do Norte, ou Mona Lisa Holandesa, pouco se sabe a respeito desta obra. O ano exato em que foi feita também é um mistério, mas acredita-se que foi feita em torno de 1665. Foi restaurada no ano de 1994, pois suas condições estavam péssimas. Sendo leiloada em 1881 pelo baixo valor de dois florins e trinta centavos, a obra foi inspiração para o roteiro de um filme de Hollywood de 2003, cujo título é o mesmo da pintura.

 

 

Terraço do Café à Noite

Autor: Vicent Van Gogh

Data: 1888

O Terraço do Café na Place du Forum, Arles, à Noite é uma obra tão famosa quanto as pinturas A Noite Estrelada e Retrato do Artista Sem Barba, de Van Gogh. O artista estava na cidade francesa de Arles havia 7 meses quando retratou a cena noturna de um bistrô, cujo nome hoje em dia é “Café Van Gogh”. A fachada do café foi pintada em tons de amarelo e verde, no início da década de 90, para que se aproximasse à cena retratada na obra – cujo contraste das cores vivas do café com o céu noturno é bastante admirável.

Este artigo foi útil?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média: 4,75 de 5)
Loading...

Comentários

comentários